Dia Nacional de Luta – Marchas(s) de Indignação e Protesto

Hoje, 12 de Abril, é dia nacional de luta promovido pelo MURPI – Confederação Nacional dos reformados, pensionistas e idosos.

Por todo o País A(s) Marcha(s) de Indignação e protesto, “Por Abril contra o Roubo nas Pensões” vão mostrar a força dos reformados, aposentados e pensionistas e da sua luta em defesa dos seus direitos.

A(s) Marchas(s) iniciam-se em Coimbra, na manhã de hoje.

E pelas 15 horas estas têm continuidade nas Marchas e Concentrações que terão lugar no Porto, Covilhã, Guimarães e Faro.

Milhares de reformados, aposentados e pensionistas dos distritos de Lisboa, Setúbal, Beja, Évora, Portalegre, Litoral Alentejano, Santarém e Leiria concentrar-se-ão em Lisboa, na Praça do Município, marchando até ao Rossio.

Neste dia nacional de luta o MURPI dá voz aos problemas e anseios dos reformados, ao valor da sua luta organizada. Exigem respeito e o direito à dignidade. Sem hesitações exigem o direito às suas pensões. Exigem que o MURPI nacional seja parceiro social.

Em todo o País os reformados, aposentados e pensionistas lutam por um Portugal mais justo e solidário para si e para os seus filhos e netos!

Grândola Vila Morena” símbolo da Revolução de Abril ouvir-se-à de Norte a Sul do País cantada pelos milhares de reformados, pensionistas e idosos.

Grândola, vila morena
Terra da fraternidade
O povo é quem mais ordena
Dentro de ti, ó cidade

Dentro de ti, ó cidade
O povo é quem mais ordena
Terra da fraternidade
Grândola, vila morena 

Em cada esquina, um amigo
Em cada rosto, igualdade
Grândola, vila morena
Terra da fraternidade

Terra da fraternidade
Grândola, vila morena
Em cada rosto, igualdade
O povo é quem mais ordena

À sombra duma azinheira
Que já não sabia a idade
Jurei ter por companheira
Grândola, a tua vontade

Grândola a tua vontade
Jurei ter por companheira
À sombra duma azinheira
Que já não sabia a idade


Os comentários estão fechados.